October 12, 2021

5 motivos que podem levar a recusa de crédito para sua empresa

5 motivos que podem levar a recusa de crédito para sua empresa

Ao tentar obter um empréstimo, pode acontecer a recusa de crédito. Para que o recurso seja concedido, as instituições financeiras costumam fazer elaboradas análises, e existem alguns motivos que podem impedir a operação. As empresas precisam estar cientes desse fato e se adequar antes mesmo de fazer um pedido desse tipo.

Este artigo aborda o tema em mais profundidade. Lendo o texto, você verá quais são os principais motivos para o crédito ser recusado. Também saberá em maiores detalhes o que pode acontecer e, assim, se adequar às exigências solicitadas. Boa leitura!

Quais são os 5 principais motivos que podem levar a recusa de crédito?

Acompanhe, a seguir, as principais causas de uma possível recusa de empréstimos a uma pessoa jurídica.

1. Linha de crédito inadequada

Não é raro acontecer que o próprio empresário não esteja plenamente ciente de suas necessidades de crédito. Isso pode levar a confusões e fazer com que a instituição negue o pedido de empréstimo. Ao decidir comprar um maquinário, por exemplo, faz sentido buscar linhas de financiamento mais longas. Se o prazo for muito curto, pode não haver tempo para recuperar o investimento.

2. Pagamentos não honrados

Ter pagamentos anteriores não honrados é um forte motivo para a negativa no pedido de empréstimo. Estar inserido nos órgãos de proteção ao crédito indicam baixa probabilidade de efetuar os pagamentos em dia. Dessa forma, convém sempre estar alerta para eventuais inclusões e, caso elas aconteçam, é preciso agir rápido para que o tempo de restrição não seja muito ampliado.

3. Baixo faturamento

Se não houver pendências registradas e a solicitação de crédito condizer com o objetivo proposto, então, um motivo para a recusa pode ser um baixo faturamento. Se a margem de lucro da organização permite apenas o cumprimento das obrigações básicas, é provável que o empréstimo não seja liberado, pois qualquer contratempo pode colocar a operação em risco de inadimplência.

4. Score de crédito reduzido

O score de crédito está ligado à capacidade financeira de uma pessoa jurídica em honrar os compromissos financeiros assumidos. Ele é calculado pelo Serasa Experian e está disponível para consulta por qualquer instituição financeira. Caso seja identificada uma baixa pontuação, o pedido de crédito pode ser recusado.

5. Inconsistência nas informações

Por incrível que pareça, esse motivo simples pode levar à negação do empréstimo. As instituições geralmente analisam uma série de fatores e, percebendo dados conflitantes, podem chegar a conclusões que inviabilizam a transação. Dessa forma, a melhor maneira de se precaver contra acontecimentos desse tipo é sempre manter todas as informações da empresa atualizadas.

A recusa de crédito é uma realidade, e toda empresa que pleiteia um empréstimo deve saber que a possibilidade existe. No entanto, quanto mais conhecimento existir a respeito, maiores serão as chances de ter o pedido aprovado. Sabendo o que pode dar errado, é possível construir uma condição empresarial sólida que permita a ocorrência da aprovação. Além disso, deve ser uma condição natural ter uma boa saúde financeira em qualquer organização.

Gostou do conteúdo? Então, siga-nos nas redes sociais. Estamos no Facebook, no Instagram e no LinkedIn!

Simule grátis!
Acesse nosso blog

Nossos últimos artigos.

Sua fonte de notícias, novidades e informações sobre o mundo do crédito empresarial.